Capital

Sobre a Região Capital

A cidade de São Paulo é uma megalópole com tudo o que tem direito: muita atividade econômica, muita atividade cultural e - é verdade - muito trânsito e poluição... Porém, quem ama São Paulo consegue enxergar através dos tons de cinza e vivenciar uma capital efervescente, multicolorida, que recebe bem todo tipo de gente. São Paulo fala todas as línguas e oferece possibilidades para todos. Das grande corporações multinacionais até os espaços mais alternativos, você será sempre encontrará espaço na cidade que nunca pára.

Conheça a cidade dessa região

São Paulo

São Paulo é tão plural que é destino turístico até para quem mora na cidade: arte, cultura, arquitetura, festas, natureza, esporte, história, compras, turismo de negócios, gastronomia... Tão plural que fala praticamente todos os idiomas do mundo em sua gastronomia, cultura, festas, arquiteturas... Gente do mundo todo que vive aqui ou que vem para conhecer os restaurantes, vários com estrelas Michelin no cardápio, como o D.O.M., de Alex Atala. Mas há opções para todos os gostos e bolsos. São Paulo é como o mundo todo, e isso pode ser visto em feiras típicas, como a do Bairro da Liberdade, com produtos (e comidinhas deliciosas!) orientais. Mas se você gosta de comida italiana, vá ao tradicional Bixiga, com restaurantes e pizzarias históricas. Curte antiguidades? Vá à Praça Benedito Calixto. Quer ver essa diversidade de bem perto? Ande pelo centro velho. Vá ao Mercado Municipal apreciar o colorido das frutas e verduras e comer os pastéis do Hocca’s ou o melhor lanche de mortadela da sua vida. Suba para o Pátio do Colégio, onde a cidade nasceu, e tome um café dentro do museu de Anchieta. Estique para o Mosteiro de São Bento para ouvir canto gregoriano, e vá em direção à Igreja de Santo Antônio, uma das mais antigas, e depois siga em direção ao Largo de São Francisco, onde está a segunda faculdade do Brasil, dentro do convento. Religioso demais? Educativo demais? Não esqueça que esta cidade foi fundada por uma ordem de educadores, os padres jesuítas. Enquanto pensa sobre isso, vá conhecer a Catedral da Sé e seu subsolo, onde estão enterrados alguns dos fundadores, almoce na Padaria Santa Tereza, atrás da igreja, que existe desde 1872. Vá conhecer o Teatro Municipal, onde, em 1922, aconteceu a Semana de Arte Moderna, ou a Biblioteca Mario de Andrade, a Praça das Artes, a Pinacoteca, a Sala São Paulo... com um mapa nas mãos, dá para conhecer tudo a pé. Poderíamos falar sobre a metrópole eternamente, porque há coisas a ver e fazer em todas as partes. Eventos que levam milhões de pessoas às ruas, como a Parada Gay, na Paulista, onde está o Museu de Artes de São Paulo (MASP). Mas é uma cidade multicultural e cheia de opções culturais, artísticas, gastronômicas, educacionais, de lazer e compras, nas ruas especializadas como a luxuosa Oscar Freire ou a popular e divertida 25 de março. E quem pensa que São Paulo é só concreto, precisa conhecer a natureza que há aqui, em lugares como o Horto Florestal, Jardim Botânico, Zoológico, o Pico do Jaraguá (ponto mais alto da cidade) e, claro, o delicioso Parque do Ibirapuera, com seus museus, espaços para esportes, shows, restaurantes e muito mais.

Ver site

Quer saber mais?

Por aqui, você fica sabendo de novos roteiros que encaixam com o seu perfil

Você receberá e-mails com conteúdos exclusivos do Visit SP. Para mais informações consulte as políticas de privacidade.